O que estou jogando - Fevereiro/2017

27/02/2017 11:49 por Leandro Alves
Categorias         

Chegou a hora de compartilhar com vocês o que estou jogando em fevereiro, como sempre a ideia é compartilhar minhas impressões sobre os jogos com vocês e fazer um pequeno review, além disso também quero conhecer o que vocês estão jogando, afinal nessa troca de recomendações a gente pode acabar descobrindo alguns jogos interessantes.

Este mês ando jogando mais no PC, quero dar uma diminuída nos jogos que tenho no Steam e nunca joguei, é uma tarefa difícil mas estou empenhado nisso!.

Life is Strange no PC: Já tinha ouvido falar muito bem do jogo, por reviews na época que saiu, e também por amigos que jogaram. Por falta de tempo eu baixei a demo no PS3 e ela acabou esquecida por um bom tempo. No final do ano passado resolvi jogar e gostei MUITO, e me empolguei para jogar o jogo completo, que acabei comprando para o PC numa promoção do Steam.

No jogo uma estudante chamada Max descobre que consegue manipular o tempo, não demora muito para que ela comece a usar suas habilidades para ajudar amigos ou mesmo para investigar algumas coisas estranhas que acontecem na sua escola. A mecânica de voltar no tempo é bem interessante, mas é claro que os resultados muitas vezes são desastrosos e me lembraram do filme “Efeito Borboleta”.

Screenshot de Life is Strange

Screenshot de Life is Strange

Uncharted: Drake's Fortune no PlayStation 3: Demorei um tempo para comprar um PlayStation 4 (e a mesma história está se repetindo com o PlayStation 4), quando comprei o console ele já tinha muitos jogos legais na sua biblioteca e era difícil escolher por onde começar. Por um motivo ou outro acabei demorando para começar a jogar a série Uncharted mesmo sabendo que é ótima, quando fui jogar comecei pelo Uncharted 3 e um tempo depois o Uncharted: Golden Abyss do Vita.

Nem parece que o Uncharted vai completar dez anos, apesar dos gráficos um pouca datados o resto do jogo envelheceu muito bem, continua divertido, interessante e com uma grande variedade de cenários. Achei o tom da história um pouco mais leve que nos outros jogos, talvez por ser o primeiro da série. Minha única crítica é por um bug ou outro em algumas partes de escalada, que acabavam tornando as coisas muito mais difíceis do que deveriam.

Screenshot de Life is Strange

Screenshot de Life is Strange

Resident Evil 7: Biohazard no PC: Quando anunciaram o jogo na E3 do ano passado fiquei muito cético, afinal fazia muito tempo que a Capcom não acertava na série. Com o tempo fui vendo que a demo parecia ser legal, apesar de ter umas mecânicas meio estranhas. Acabei ficando curioso e acabei comprando na pré-venda, sim arrisquei bastante mas o preço estava bom e a curiosidade alta.

Acho que muita gente já deve estar cansado de me ver falando desse jogo, já escrevi uma análise e também fim um JogoramaTV. Resumindo eu gostei bastante do jogo, é bem feito e também bem assustador, fiz um dos finais e em breve vou jogar a parte que preciso para fazer o segundo final.

Screenshot de Resident Evil 7 biohazard

Screenshot de Resident Evil 7 biohazard

The Last of Us: Left Behind no PlayStation 3: Já faz algum tempo que joguei o The Last of Us, adorei o jogo e por isso me senti na obrigação de conhecer a expansão Left Behind.

A história de The Last of Us: Left Behind tem duas linhas de narrativa, uma que se passa antes do jogo principal, e outra que se passa no meio da história naquela parte que Joel se machuca. Acaba tendo exatamente as mesmas mecânicas do jogo principal, com a diferença que aqui você joga sempre com a Ellie. Achei um pouco curto, mas gostei bastante, é sempre legal poder jogar algo novo do The Last of Us, quem sabe agora eu me anime a jogar de novo o jogo principal.

Screenshot de The Last of Us: Left Behind

Screenshot de The Last of Us: Left Behind

Agora é com vocês, diga nos comentários o que você está jogando neste mês e quais as suas impressões! Afinal essa seção fica muito mais interessante com a participação de vocês.


Receba mais sobre "O que estou jogando - Fevereiro/2017" e outros assuntos interessantes gratuitamente no seu e-mail.
Não se esqueça de confirmar seu cadastro, basta clicar no link que será enviado para seu e-mail.
Ou se preferir você pode receber por RSS ou pelo Twitter.


Compartilhe a notícia: