Conheça as configurações mínimas e recomendadas para Watch Dogs 2, lançamento será adiado no PC

19/10/2016 17:48 por Leandro Alves
Categorias         

A Ubisoft revelou as configurações mínimas e recomendadas para jogar Watch Dogs 2 no PC, ele está dentro dos padrões exigidos pelos jogos atuais. Então se o seu PC roda os lançamentos, ele deve dar conta do Watch Dogs 2.

Screenshot de Watch Dogs 2

Configurações Mínimas
Sistema operacional: Windows 7 SP1, Windows 8.1, Windows 10 (apenas 64-bit)
Processador: Intel Core i5 2400S 2,5 GHz ou AMD FX 6120 3,5 GHz
Memória RAM: 6GB
Placa de vídeo: NVIDIA GeForce GTX 660 (2GB) ou AMD Radeon HD 7870 (2GB)
Espaço livre no HD: 50 GB
Periféricos: Teclsdo e mouse compatíveis com Windows, Joystick do Xbox One, Joystick Dual Shock 4.
Conexão com a Internet: 256 Kbps para multiplayer.

Configurações Recomendadas
Sistema operacional: Windows 7 SP1, Windows 8.1, Windows 10 (apenas 64-bit)
Processador: Intel Core i5 3470 3,2GHz ou AMD FX 8120 3,9 GHz
Memória RAM: 8GB
Placa de vídeo: NVIDIA GeForce GTX 780 (3GB), NVIDIA GeForce GTX 970 (4GB), NVIDIA GeForce GTX 1060 (3GB), AMD Radeon R9 290 (4GB)
Espaço livre no HD: 50 GB
Periféricos: Teclsdo e mouse compatíveis com Windows, Joystick do Xbox One, Joystick Dual Shock 4.
Conexão com a Internet: 256 Kbps para multiplayer.

Screenshot de Watch Dogs 2

A versão para PC têm várias vantagens em relação as de console, afinal somente no PC teremos suporte à resolução 4K, sem limite de FPS, suporte completo para SLI/Crossfire, múltiplos arquivos de savegame, suporte a vários monitores, possibilidade de rodar numa janela.

Mas infelizmente devido as várias funcionalidades extras a versão para PC vai atrasar e chegar apenas em 29 de novembro, duas semanas depois dos consoles.


Receba mais sobre "Conheça as configurações mínimas e recomendadas para Watch Dogs 2, lançamento será adiado no PC" e outros assuntos interessantes gratuitamente no seu e-mail.
Não se esqueça de confirmar seu cadastro, basta clicar no link que será enviado para seu e-mail.
Ou se preferir você pode receber por RSS ou pelo Twitter.


Compartilhe a notícia: