Sega Genesis Flashback é um novo modelo de Mega Drive com HDMI

10/06/2017 08:22 por Leandro Alves
Categorias      

A AtGames vai lançar em breve um novo console compatível com o Mega Drive, vai se chamar Sega Genesis Flasback, ele vem com 85 jogos na memória, entrada para cartuchos, joystick sem fio, e porta HDMI (720p).

O visual é semelhante ao do Mega Drive clássico, apesar das dimensões não terem sido reveladas dá para ver pelas fotos que ele é um pouco menor.

Sega Genesis Flasback

Caixa do Sega Genesis Flasback

O console acompanha dois joysticks sem fio, que possui aparência semelhante ao joystick de seis botões do Mega Drive, mas vale lembrar que o Sega Genesis Flasback possui duas portas de joystick compatível com os controles originais.

Entre os 85 jogos que acompanham teremos várias séries completas como Sonic, Golden Axe, Mortal Kombat, Phantasy Star, e Shining Force. Mas vale lembrar que nem todos os jogos são clássicos, também temos alguns jogos mais recentes que não tem o mesmo apelo mas ajudam a fazer número.

Outros recursos interessantes incluem filtro de scanlines, possibilidade de gravar e voltar em qualquer jogo.

O Sega Genesis Flashback será lançado na metade do ano, o preço ainda não foi revelado. Não deve ser vendido oficialmente no Brasil, mas costuma ser bem fácil de achar lojas que mandam consoles da AtGames para cá.

Será que a AtGames vai acertar dessa vez? Afinal faz muito tempo que a empresa lança clones do Mega Drive, que são licenciados pela Sega, mas a qualidade é sempre muito criticada principalmente na qualidade do vídeo e do som. Gostei bastante do que foi mostrado do Sega Genesis Flashback, dá a impressão que é um console com mais qualidade do que os anteriores, gostei também da porta HDMI, que é algo que considero essencial nos dias de hoje.


Receba mais sobre "Sega Genesis Flashback é um novo modelo de Mega Drive com HDMI" e outros assuntos interessantes gratuitamente no seu e-mail.
Não se esqueça de confirmar seu cadastro, basta clicar no link que será enviado para seu e-mail.
Ou se preferir você pode receber por RSS ou pelo Twitter.


Compartilhe a notícia: