New Nintendo 3DS possui processador melhorado, segundo analógico e muitas outras novidades

29/08/2014 19:45 por Leandro Alves
Categorias      

A Nintendo surpreendeu a revelar novas versões do Nintendo 3DS, que se chamam New Nintendo 3DS e New Nintendo 3DS XL e contam com várias mudanças como um segundo analógico, novos botões e várias outras novidades.

A diferença entre o New Nintendo 3DS e o New Nintendo 3DS XL é o tamanho da tela, que é de 3,88 e 3,33 polegadas no New Nintendo 3DS, e 4,88 e 4,18 polegadas no New Nintendo 3DS XL.





O segundo analógico era algo que os fãs pediam a muito tempo, e que a Nintendo até tentou atender com o Circle Pad mas que não deu muito certo. O New Nintendo 3DS conta com uma pequena alavanca analógica chamada C-Stick, que é pequena e está localizada logo acima dos botões.



Outra novidade é a inclusão dos botões ZR e ZL ao lado do L e R, esses botões também estavam presentes no Circle Pad.

O C-Stick e os botões ZR e ZL poderão ser usados em futuros jogos como Dragon Quest X: Online, Final Fantasy Explorers, Monster Hunter 4G e Super Smash Bros. for Nintendo 3DS.



A tela do New Nintendo 3DS conta com um maior ângulo de visão para o efeito 3D, ele utiliza a câmera e giroscópio para saber a posição do rosto do jogador e procura corrigir o efeito 3D.



A tela de toque terá suporte à tecnologia NFC, capaz de interagir com os bonecos da linha Amiibo.



O processador será mais potente que nos modelos atuais, os jogos que tirarem proveito disso vão rodar apenas no New Nintendo 3DS.

Os novos portáteis serão lançados no Japão em 11 de outubro, o New Nintendo 3DS custará ¥ 16.000 (US$ 153,86) e o New Nintendo 3DS XL será vendido por ¥ 18.800 (US$ 180,79). O lançamento no ocidente será apenas em 2015.
Receba mais sobre "New Nintendo 3DS possui processador melhorado, segundo analógico e muitas outras novidades" e outros assuntos interessantes gratuitamente no seu e-mail.
Não se esqueça de confirmar seu cadastro, basta clicar no link que será enviado para seu e-mail.
Ou se preferir você pode receber por RSS ou pelo Twitter.


Compartilhe a notícia: