Mozilla lança MMO feito totalmente em HTML 5

29/03/2012 12:10 por Leandro Alves
Categorias      

O HTML5 têm se mostrado cada vez mais uma opção interessante para criação de jogos para navegadores, um bom exemplo disso é o jogo BrowserQuest que é um MMO totalmente feito em HTML 5 e JavaScript, e que foi criado pela Little Workshop e Mozilla.



Para jogar basta entrar no site browserquest.mozilla.org. Ele funciona na maioria dos navegadores modernos como o Firefox, Chrome e Safari, e também funciona no Safari do iOS e FireFox do Android.

O BrowserQuest utiliza várias novidades do HTML 5 como o WebSockets que permite comunicação bidirecional com servidores, elemento Canvas para desenhar o cenário, localStorage para gravar seu personagem e progresso, Web workers que permitem exibir somente o que for necessário do mapa, Media Queries para redimensionamento da tela, e também as funções de áudio do HTML 5. E para quem quiser aprender como foi feito vale lembrar que o código fonte está disponível no GitHub.

O visual do BrowserQuest lembra muito o The Legend of Zelda e outros RPGs de video games de 16 bits, mas apesar disso não podemos esquecer que ele é um jogo online e mostra o número de jogadores no servidor, e também é possível conversar com outros jogadores.











Como todo o jogo atual o BrowserQuest possui conquistas que podem ser desbloqueadas fazendo as mais variadas atividades no jogo, como conversar com um NPC ou matar 10 ratos.





Uma curiosidade é que o escudo usado pelos soldados que guardam a cidade é idêntico ao logotipo do HTML 5. Além disso muitos NPCs comentam algumas partes técnicas do jogo, como o uso do WebSockets, ou o fato do código fonte estar disponível.



Vocês chegaram a jogar o BrowserQuest? O que acharam? Eu achei um jogo bem interessante, e também uma ótima demonstração do que é possível fazer usando o HTML 5, e que ele pode perfeitamente substituir o Flash.
Receba mais sobre "Mozilla lança MMO feito totalmente em HTML 5" e outros assuntos interessantes gratuitamente no seu e-mail.
Não se esqueça de confirmar seu cadastro, basta clicar no link que será enviado para seu e-mail.
Ou se preferir você pode receber por RSS ou pelo Twitter.


Compartilhe a notícia: